1º Seminário de Leitura do Polo do Caverá: Berquó quer biblioteca no prédio histórico da Prefeitura

Rede Social

Num segundo momento do Seminário de Leitura promovido pelo Polo do Caverá e realizado no auditório da Uergs, na manhã desta sexta-feira, o ex-diretor do Centro Cultural e vereador Paulo Antônio Berquó discorreu sobre a formação da Frente Parlamentar em defesa do Livro e da Leitura na Câmara Municipal. Apesar de estar funcionando há um ano, a atuação da Frente ainda é tímida, admitiu Berquó. Ele voltou a defender a proposta de transferência das instalações da Biblioteca Mário Quintana, do Centro Cultural, para a Praça Getúlio Vargas, no atual prédio velho da Prefeitura, Palácio Ruy Ramos. “O prédio é histórico e hoje é utilizado como guichê de pagamento de contas (lá funciona a Secretaria da Fazenda)”. Com a mudança, as duas instituições sairiam ganhando em termos de participação e oferta de atividades culturais. O Centro Cultural teria um espaço maior a ser ocupado com diversas oficinas como dança, artes plásticas, teatro, música, e a Biblioteca Municipal poderia se dedicar às atividades relacionadas ao livro e à leitura, com um local mais amplo e com mais visibilidade no centro da cidade. O vereador busca apoios para esta proposta. À tarde, nova roda de conversas com as mediadoras do projeto #LeiaMulheres, Aliriane Almeida e Ana Lúcia Vargas; a professora Denise Rocha Braga, falando sobre a importância da contação de histórias para inserir a criança no mundo da leitura, e também com a professora Giciéli Hohemberger Barúa, falando sobre os desafios de conquistar os alunos a lerem nos anos finais do Fundamental e Ensino Médio, a partir das suas experiências como professora, tanto na rede municipal de ensino quanto na rede privada.Também houve a participação de outras instituições e professores na programação.

Por Alair Almeida

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *